Como se sentir em casa em uma cidade que não é a sua!


Em fevereiro de 2009 me programei para passar uma semana em Buenos Aires, mas como era a quarta vez que eu ia em dois anos, eu resolvi fazer uma coisa diferente.

Alguns amigos tinham alugado um apartamento e falaram muito bem da experiência. É possível economizar nas diárias e nas refeições – e não é pouco – além de ser perfeito para quem viaja com crianças. Assim comecei uma pesquisa nos sites de aluguel de temporada no exterior.

Existem vários sites especializados e fazer a busca do imóvel é uma parte da diversão. Encontrar um apartamento é como procurar hotel: preferimos locais descolados, mas quietos à noite; que sejam centrais, mas não necessariamente no centro da cidade; que tenham acesso fácil e com transporte público farto, mas que estejam em uma área boa de ser explorada a pé.

Você provavelmente encontrará tantas opções que ficará até confuso, mas aqui vão algumas dicas que podem ajudar:

– observe bem as fotos, elas costumam dizer exatamente o que você irá encontrar;

– leia os comentários de quem já alugou os apartamentos que te interessarem, pois estes são uma fonte de informação onde muitas vezes você vai encontrar o que não foi dito pelo anunciante;

– use o Google Street View para verificar as vizinhanças;

– pesquise também o que há por perto: supermercado, padaria, comércio em geral, afinal você não terá café da manhã pronto e abastecer a despensa é quase obrigatório.

O aluguel de temporada vale mais a pena quando é feito por períodos de no mínimo uma semana.

Depois, nada melhor do que cumprimentar o porteiro, ficar amiga da vizinha, tomar café da manhã no pequeno café que fica a 50 metros e ainda serve um croissant quentinho. É tanto que no final nos sentimos moradores de tão íntimos que nos tornamos! Que tal fazer uma experiência nas próximas férias?

Anúncios

12 comentários sobre “Como se sentir em casa em uma cidade que não é a sua!

  1. Kiki disse:

    Oi Moniquinha!
    A idéia é ótima!! Principalmente quando ficamos em uma única cidade.
    Em 2005 quando fui para Europa, alugamos um apartamento em Barcelona (onde ficamos 8 dias) e foi ótimo! Eramos 4 pessoas e saiu muito mais barato se compararmos ao preço que custaria ficarmos em um hotel, o apartamento ficava em uma região perto das ramplas.
    Mas a experiência na Provence não foi tão boa assim, alugamos um ‘gite rural’ que era super charmoso em Cavaillon mas que nos obrigava a ir e voltar todos os dias das cidades que visitamos. Isso fazia com que nossos horários ficassem meio engessados porque não queríamos dirigir de noite. Embora viajar naquelas estradas super bucólicas seja maravilhoso ficou um pouco cansativo.
    Taí minha colaboração!
    Beijos
    Kiki

    • Mô Gribel disse:

      Oi, ki!
      Alugar uma casa rural no meio da Provence nem em lua de mel eu faria!!! rsrsrs
      A localização é muito importante e pegar estrada todos os dias, ainda mais sem dirigir a noite, acaba com os passeios do dia…
      Beijos!

  2. Virginia Lucia disse:

    Quase aluguei agora da última vez que fui a Paris, mas desisti. Íamos com amigos e com milhas, ainda por cima, então ficou muito em cima e não encontramos um bom apartamento que acomodasse 4 pessoas. Mas da próxima, se Deus quiser, vou querer ter essa experiência. Bora pra conVnVenção em Buenos Aires, Mô! Beijos.

  3. Carla(2) disse:

    Eu também vivo alugando casa/apartametno por aí – dos amigos, dos parentes, dos amigos dos amigos… hehehehe e de preferência quando eles estão em casa, assim tem café-da-manhã, jantinha, hahahahaa – nossa, tô parecendo “A Mala”. Agora sério, essa de alugar apartamento eu acho super legal para estadias mais longas – dá mesmo para se sentir um local. Tô planejando uma dessas em Paris, mas totalmente sem data…
    bjs!!

  4. clanceta disse:

    Eu sempre tinha ido para hotéis, mas depois de Ricardo e Nik viagem à Europa, onde eles alugaram apartamentos, pensei em eu mesmo, também. Comencei aficar em apartamentos turísticos rurais em Cantabria e gostei muito da experiência. Eu me sinto em casa!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s