Um descuido pode por tudo a perder.

Ai ai…

Acho que isso já aconteceu com todos nós.

Aprendi muito cedo que devemos tomar cuidado com nossa ‘roupa de baixo’, por exemplo. Vai que acontece um acidente e você é levada ao hospital com calçolas laranja?

Você está namorando aquela bota ma-ra-vi-lho-sa há meses e surpresa! Você passa pela loja, ela está com 50% de desconto e justamente neste dia a meia que você está usando é furada. Adeus, bota…

Ou então você sai toda bonitona para viajar, arrumadíssima, até com cara de ri-ca e a infeliz da polícia federal pede que você tire o sapato ao passar pelo detector de metal que cismou em estragar seu dia. Bingo, é justamente neste dia que eu usava uma meia azul turqueza de bolinhas coloridas.

Isso sem falar naquele dia que sua mãe te enche para ir comprar margarina e você sai de casa de mau humor, quase vestindo um pijama e dá de cara com o ‘gatinho’ que você paquera há anosss na escola na fila do mercado.

São tantas situações que sempre penso se está tudo ok antes de por os pés na rua.

Mas eu estou falando disso por outro motivo. Estou com dó de uma modelete! Verdade!

Maria Bonita Extra abriu hoje o Fashion Rio. Lá fui eu ver as fotos no UOL, claro. Lindos vestidos de organza, levíssimos, muita cor forte, tudo curtérrimo, obviamente tudo aquilo que NÃO posso usar nem em sonho.

Mas faz parte do meu aprimoramento profissional acompanhar as semanas de moda, já que a partir do dia 14 sou eu quem estará falando do amarelo para meus clientes.

Voltando à modelete, a pobre foi fazer um desfile de Verão e me aparece assim:

mbe

Não viu? Aqui, ó:

mbe2

E assim você destrói todo o look!! Oh, dó…

Anúncios

2 comentários sobre “Um descuido pode por tudo a perder.

  1. virginia disse:

    Oi, Mô

    Embora minha mãe tenha me ensinado a ser bastante cuidadosa, eu passei por um super vexame na minha viagem a Paris, ano passado. Levei quilos de meias de todo tipo, soquete, meia-calça 40 fios, meia de lâ (fui no finalzinho do inverno). Enfim, não tinha notado que uma das soquetes estava furada, aí na volta só tinha sobrado ela e eu pensei – não é possível que os caras vão me mandar tirar a bota, não aconteceu na vinda. Pois eles mandaram. Ainda encolhi o meu dedinho, mas não teve jeito. Fiquei até mal humorada, mas ainda bem que passou logo, eu e meu marido rimos bastante com isso depois.
    Grande abraço

    Virginia

  2. daniel martinon disse:

    Oi Mô Gribel ( desculpe a intimidadesemconhecer mas não tenho certeza se o seu nome é Mônica):

    Vc recebeu a fot de Londrina que te enviei?
    Não tinha nenhuma bacanuda de Maringá, mas vou procurar e te envio.Londrina faz 75 anos em dezembro, quando puder tasca um post legal homenageando ok?

    disponha,

    daniel martinon * fotógrafo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s